sábado, 2 de julho de 2011

Macabro ...

Não consigo parar de pensar ... o mestre das marionetes me manipula ... minhas ações, meus sonhos destruídos ... me faz querer ver  o sangue dela. O medo traz para perto de mim a destruição ... a loucura me fala que pertenço a ela ... a sede de proteger o que eu amo ... o medo de perder o que eu amo ... Medo que vem do nada e me manipula. Me faz ser o que eu não sou. E quando sou o que sou, não sei se sou realmente. E mesmo com tantas certezas, eu me sinto um boneco de vodu. Mesmo sabendo, o medo de estar sendo manipulada me faz querer vingança, faz com que eu queira me defender ... o amor está se afastando de mim ... ódio maldito, vá embora!!
Alma confusa e eu só preciso de alguém para conversar ... e quando eu chamo, todos estão ausentes ...
Onde estão aqueles que dizem que estarão comigo para o que der e vier?
Onde está a minha coragem ...os meus sonhos estão se perdendo ... e eu vou destruindo tudo aos poucos ...
E não há nada que eu possa fazer ... sou eu que te alimento ...
O hospedeiro do inferno não vai me matar, mas ele quer me destruir para minha alma queimar, eu sei!
Eu sei que tenho que esquecer, eu sei que devo lutar, sei que o meu amor é maior ...
Mas alguém disse que isso é fácil??

A minha vontade é acabar com tudo isso logo. Meu passado me atormenta ja que não pode voltar.
Eu só quero que isso tudo acabe para eu parar de chorar!!
Porque o mal sempre cai. Eu só quero sair do domínio dele.
Eu não preciso de ajuda, só preciso de mais força. Mas onde está ela, que quando eu busco some??
Onde está a minha vida?

Olhe para ela e verá o estrago.
Sentimentos sinistros ... Estou assustada ...

Sinto que é o fim. Será que serei vitoriosa?

Fim da guerra, da luta. Não tenha medo de mim, eu não sou má.
Mas o mestre dos bonecos, este sim é macabro.


(Texto inspirado na música Master of Puppets, da banda Metallica)

Um comentário:

  1. Adoro essa musica do Metallica !!!

    bjxx

    http://beautifulfreakingmess.blogspot.com

    ResponderExcluir